segunda-feira, 29 de julho de 2013

Reflexão de Chaplin

Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. 
É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. 
Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. 
Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. 
 Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. 
Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. 
Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. 
Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. 
Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. 
Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. 
O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim.

Charles Chaplin

2 comentários:

  1. Uma reflexão muito preciosa essa Querida Izabel,já começamos bem a semana!
    O CHarles foi um grande homem e foi em sua arte de fazer humor que ele destacava toda a sua sapiência,fazendo vir a tona,aquele clichê que costumam citar por ai:
    É brincado que fala-se a verdade muitas vezes.

    Grata por compartir,apreciei deveras.

    Ficaria feliz com tua opinião em nosso espaço,quando puderes, desde já receba meu carinhoso abraço e votos de que tenhas uma semana abençoada.

    ResponderExcluir
  2. Linda mensagem para reflexão! Abraços!

    ResponderExcluir

Deixem seu comentário, ficamos felizes com suas contribuições.